terça-feira, 19 de dezembro de 2017

ÁGUA PARA TODOS

Zildo Gallo

http://apartirdaletra.blogspot.com.br/2011/12/casa-do-meu-avo.html

As águas estão acima
As águas preenchem o meio
As águas estão embaixo
As águas batizam o espírito
As águas lavam o corpo
As águas lavam as dores
Das nossas almas doridas
As águas são claras
As águas são barrentas
As águas são doces
As águas são salgadas
São o líquido amniótico
Do útero cósmico da Mãe Gaia
Não são da Coca-Cola
E nem da Nestlé
São de todos os seres viventes
E de todos os que virão
Ao Planeta Água
A nossa velha Terra

Um comentário: